segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Litrosa, Cacauetes, Almendros e Pistachios

Numa noite improvisada, criada por mentes pouco sãs, assim foi que tudo nasceu...

Era preciso fazer algo, o corpo pedia que não se cedesse à teimosa inércia de nada fazer, a mente necessitava de novas informações a navegar pelo seu mar de neurónios aferentes, sensitivos e mais outras tantas ondas de sinapses... E eis que três indivíduos se juntam, num arranjo de 3 3 a 3... Têm um convidado de quatro patas a acompanha-los, mas não chega... Convidam a Litrosa, os Cacauetes, os Almendros e os Pistachios a virem com eles fazer não sabem o quê para não sabem onde. E eles vêm, por uma módica quantia de 4€, mas vêm...
Discute-se a vida, os desassossegos, e num turbilhão de ideias desconexas surge o nome deste post. Mais tarde aparecem as Marias (bolachas, claro!) e o nosso amigo de quatro patas ganha um fulgor invulgar no meio de machos (impulsos da líbido animal)...


O valor filosófico e de cultura destes momentos vividos, não há muito, é quase nulo... Mas a simplicidade do desenrolar natural de tudo o que aconteceu é bela. Não houveram paisagens bucólicas a acompanhar-nos, concordo. Nada de literário há neste texto, isto é apenas a narração de factos passados/vividos, mas foram vividos, e por isso devem ser celebrados...

Um comentário:

afonsinho viegas disse...

ah fdx esta granda post meu puto@
vcs andam se a esmerar... so faltou o fisher e o villas&reis pa rebentar cm os cacauetes e almendros.
ah tem q ser a triplicar pq aqilo parece agua po meu estomago.
o pedro da ega eq tem q fazer um post sobre as nossas noites no "xiCÀRA" e as nossas carvalhadas todas, ate pq plos vistos ja fazemos fechar o estabelecimento uma hora e meia depois...
A serio que os vossos posts sobre as nossas fugidas plo bairro tão muito bons!
e sim prometo postar em breve ms a inspiraçao foi toda po jornal.